<$BlogRSDUrl$>

2003/11/17

Há demasiadas palavras, sempre o disse... 

E a verdade é que escrevo muito melhor sem elas.
Para poemas de amor é fazer o obséquio de mos ler na boca.

Comments: Enviar um comentário

This page is powered by Blogger. Isn't yours?