<$BlogRSDUrl$>

2003/12/29

- Deixa-me fotografar-te nua... 

- Tem masé juízo!...
- Deixa lá...
- Sai, deixa-me em paz...
- Oh deixa...
- Não...
- Oh deixa...
- Não...
- Deixa lá...
- Não, porra!...
- Deixa...
- NÃÃOO!!...
- Oh deixa...
- Chato!...
- Deixa...
- NÃO!
- Deixa...
- Meeeelga!...
- Só uma...
- Não! Já disse que não e não é não! Porra!...
- Oh... Deixa...
- Ok, está bem. Mas só uma!... Chato!...
- A sério?
- Sim. Vá lá.
- A sério?...
- Como é que queres fazer? Vamos para o quarto?...
- Deixas, a sério?
- Sim. Vamos para o quarto ou preferes aqui.
- Não acredito...
- Tens é de correr as cortinas...
- Tás a brincar!
- Brincar? Não penses que me dispo com as cortinas escancaradas...
- Deixas mesmo?...
- Queres ou não queres fotografar-me?
- Não acredito...
- Oh!...
- Deixas, a sério?...

(0) comments

2003/12/16

É agora! É agora que vou escrever o mais belo poema de todos os tempos, 

disse o poeta, ofegante, a voz abafada pela gola erguida da gabardina, avançando no seu encalço com passos vigorosos, através do universo cinzento e rugoso das pedras da calçada, seguindo-lhe o rasto fresco, adivinhando-o já.
Mas, ao contrário do que seria desejável, o presente barrou-lhe o caminho, a poucos metros da cauda do primeiro verso, que logo dobrou a esquina, escapando.
Fica para a próxima, disse o poeta, por fim, resignando-se, pregado ao chão. E deixou-se ali quieto, a recuperar o fôlego, recusando-se a voltar para trás. (Deixou-se ali quieto porque podia, claro. E estava com falta de ar...)


(0) comments

2003/12/03

Palavra para hoje: Patético 

Todos: Paté, paté;
vá lá, todos: Patééééééééé... té, té, té, té, té, té, té ...
isso...
Agora: tico, tico, tico, tico, tico, tico, tico, tico, tico, tico....
Mais rápido: ticoticoticoticoticoticotioctioctico...
Boa...
Outra vez, forte: PATÉTICO...
Sonoro: PAAAAAAAAA TÉÉÉÉÉÉÉÉÉÉÉ TIIIIIIIIIII COOOOOOOOOO...
Muito bem...
Agora como se a palavra fosse grave: patetico, pateTIIIIIco...

Ok, podem sair....

(0) comments

2003/12/02

Mas posso sempre contar com os meus substantivos bigodes. 

Autênticas vírgulas de personalidade.

(importa-se de repetir?...)

(0) comments

This page is powered by Blogger. Isn't yours?